Baixamar

Software livre e bibliotecas

Archive for the ‘Web 2.0’ Category

La biblioteca expandida en código abierto

Posted by João Manuel Peres Lijó em Sábado, 5 Fevereiro, 2011


O último número do Boletín de la Asociación Andaluza de Bibliotecarios (n. 96-97) inclue um interessante artigo de Nieves González Fernández-Villvicencio, La biblioteca expandida en código abierto, no que realiza um resumo da actualidade do software livre nas bibliotecas.

O artigo apresenta, em três partes, aspectos do uso de SL nas bibliotecas:

  • O uso dos ILS realizados com software livre entre os que cita a Evergreen, OPALS e Koha e o projecto OLE (Open Library Environment Project).
  • O uso de applis da web 2.0 dirigidas a melhorar o uso das ferramentas bibliotecárias, e principalmente a utilização que os utentes realizam do catálogo, atravês, sobretudo, de ferramentas de descoberta como Vufind ou o eXtensible Catalog.
  • Por último as ferramentas de ajuda bibliotecaria, melhora dos portais das bibliotecas e dos catálogos:  Drupal, Library Thing…

Um artigo para ver o “estado da arte” atual no software para bibliotecas.

 

Anúncios

Posted in Bibliografia SL, Bibliotecas, Software Livre, Web 2.0 | Com as etiquetas : , , | 1 Comment »

OPAC Social

Posted by João Manuel Peres Lijó em Segunda-feira, 8 Novembro, 2010


No V Congreso Nacional de Bibliotecas Públicas, Gijón, España, 3-5 de Novembro de 2010,  foi apresentada a comunicação Koha, metabuscadores y herramientas colaborativas de edición de contenidos sobre o Opac social, ou Opac 2.0, realizado com Koha na Rede de Bibliotecas de Galiza (versão em prova ainda não implementada na sua totalidade nas bibliotecas da rede).

O vídeo, Los usuarios y el Opac social, realizado para o congresso foi gravado com a participação dos usuários da Biblioteca Municipal de Ames e monstra a interação destes com os novos recursos implementados no Opac. Por outro lado, o Opac foi enriquecido com novas ferramentas sociais que permitem a integração participativa de recursos, fomentando a relação dos usuários com o seu entorno,   permite engadir recursos próprios, locais e comunitários, que serão oferecidos pelo Opac em igualdade de condições que os demais recursos da biblioteca.

Uma olhada ao vídeo permite observar as possibilidades do Opac social:

O vídeo e a comunicação foram realizados pelas empresas Xercode e Fervenzas, Xestión Cultural, e por pessoal da Rede de Biblioteca de Galiza e de Bugalicia, Consórcio de Bibliotecas Universitárias de Galiza.

Posted in Bibliotecas, Software Livre, Web 2.0 | Com as etiquetas : , , , | Leave a Comment »

Estudo comparativo dos OPACs de Koha, Evergreen e Voyager

Posted by João Manuel Peres Lijó em Terça-feira, 14 Setembro, 2010


O número de Setembro de 2010 da publicação ITAL: Information Technology and Libraries (vol. 29, num. 3, 2010), da American  Library Association, inclue um interessante atigo de Sharon Q. Yang and Melissa A. Hofmann: The Next Generation Library Catalog: A Comparative Study of the OPACs of Koha, Evergreen, and Voyager.

Nos últimos anos está dando muito que falar o novo catálogo das bibliotecas, definido como next-generation library catalog ou catálogo da Biblioteca 2.0 ou terceira geração do catálogo (que vamos abreviar como Catálogo 2.0 ou OPAC 2.0). Em 2007 foi fixada a terminologia deste tipo de catálogo mediante uma série de funções, entre as quais destacam:

  • uma caixa para procurar por palavras (estilo google)
  • melhor navegação
  • autocorreção ou recomendações de buscas
  • ranking por relevância
  • navegação facetada
  • busca federada
  • contribuições dos usuários, e
  • conteúdos enriquecidos

As autoras são conscientes de que é necessário realizar mais estudos comparativos já que só o realizam entre três software: dois ILS livres: Koha e Evergreen e um privativo: Voyager (WebVoyage de Ex Libris).

O propósito do estudo é demostrar qual dos três software analisados oferece mais serviços em referência ao catálogo 2.0. Como reconhecem, o estudo é muito limitado e não pode ser extrapolado a outros software não analisados.

As autoras citam bibliografia prévia sobre o assunto no que sinalam os estudos de Mercum e Zumer: New Generation of Catalogues (que desconhecia) e a tese de Linda Riewe: Integrated Library System Survey (já citado neste blogue). No primeiro estudo realiza-se uma análise entre seis catálogos diferentes, entre eles o WorldCat e o da Amazon, concluindo que, nenhum dos catálogos das bibliotecas estudadas, consegue igualar as funções do catálogo da Amazon.

O inquérito de Linda Riewe compara entre dois ILS livres: Koha e Evergreen e 6 proprietários: Horizon, Voyager, Millennium, Polaris, Innopac e Unicorn. Nas questões referidas ao OPAC o de Koha é o melhor valorado entre os bibliotecários que responderam este inquérito.

Metodologia:

Em primeiro lugar estabeleceram um conjunto de 10 parâmetros com os que comparar os três OPACs, tirados do estudo de Marshall Breeding: Next generation Library Catalogs (Library Technology Reports, jul-ago 2007) que, pelo seu interesse, citamos a continuação:

  • Um único ponto de acesso para toda a informação bibliotecária
  • Interface web “actual”: intuitivos, visualmente atraentes
  • Conteúdos enriquecidos
  • Navegação facetada
  • Busca por palavras-chave
  • Relevância
  • Quis dizer?: quando o termo empregado não é uma palavra chave o OPAC pergunta que se quis dizer
  • Recomendações e materiais relacionados
  • Contribuições dos usuários
  • Subscrições mediante RSS

O segundo passo consistiu em aplicar esses 10 parâmetros aos três catálogos e o terceiro e último passo consistiu na recopilação de dados.

Como conclusão apresentam uma tabela na que se recolhem os dados comparativos, nos que se sinalam que o Opac de Koha é o que satisfaz mais parámetros, seguido de Evergreen e, por último Voyager. Sinalam que os OPACs ainda têm um longo caminho que percorrer até o Catálogo 2.0. Também indicam que os OPACs dos ILS não são comparáveis, na actualidade, às ferramentas “independentes” conhecidas como Discovery Tools (ferramentas de descoberta) entre as que se sinalam Primo de Ex Libris (software privativo) e VuFind e LibraryFind (software livre).

Posted in Bibliotecas, Software Livre, Web 2.0 | Com as etiquetas : , , , | Leave a Comment »

OPAC Social e participação de usuários nos catálogos bibliográficos

Posted by João Manuel Peres Lijó em Segunda-feira, 12 Julho, 2010


Dídac Margaix, autor do blogue Dos Punto Cero, analisa no artigo L’OPAC Social i la participación dels usuaris als catàlegs bibliogràfics, a evolução dos catálogos públicos  das bibliotecas: a participação dos usuários e a tecnologia que o possibilita e revisa os aplicativos que permitem criar os opac sociais e a bibliografia actual sobre o tema.

No apartado de Ferramentas para construir OPAC sociais apresenta exemplos provenientes do software livre:

  • VuFind permet construir una interfície web per cercar al catàleg i ha estat desenvolupada per la Universitat de Vilanova (EUA). Actualment funciona amb Voyager, però està prevista l’ampliació a més programaris. Permet marcar documents com a favorits, assignar etiquetes i fer comentaris. A més VuFind pot mostrar al registre la informació que altres usuaris han generat a Amazon. Un dels centres que ha implementat aquest programmari és la Western Michigan University.
  • OpenBib és un programari lliure desenvolupat a Alemanya. Permet unes funcionalitats socials molt simples però destaca la seua integració en altres eines (per exemple la Viquipèdia, un gestor bibliogràfic, etc.) i la generalització dels canals RSS. La instal·lació més interessant és la del Catàleg Col·lectiu de les Universitats de Colònia.
  • Scriblio és la segona versió del WP OPAC desenvolupat per Casey Bisson. Utilitzant el programari lliure WordPress han construït un OPAC: La peculiaritat és que WordPress es fa servir principalment per a publicar blocs. La utilització d’aquest programari dóna al catàleg una imatge molt més dinàmica, familiar per als nous usuaris, més participativa, amb una imatge visual molt impactant i amb moltes possibilitats de reutilitzar els continguts. L’única via de participació per a l’usuari són els comentaris, publicats de la mateixa forma que a un bloc. La instal·lació més coneguda és la de la Lamson Library a la Plymouth State University.

Posted in Bibliotecas, Software Livre, Web 2.0 | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Preparado EyeOS 2.0

Posted by João Manuel Peres Lijó em Segunda-feira, 11 Janeiro, 2010


O 18 de Janeiro será apresentada publicamente a nova versão do EyeOS. Este sistema operacional, baseado no cloud computer, e realizado com software livre, do que já demos conta noutro post, foi reescrito totalmente desde o início e promete ser um dos sistemas chamados a competir no entorno web.

Antes da data de lançamento será possível poder colaborar provando o sistema e enviando bugs que serão corrigidos antes da versão 2.0.0 final.

No seu blogue explicam com detalhe o roteiro de lançamento da versão final.

No entanto fazem um chamamento à colaboração e anunciam a sua comunidade de apoio de alcance mundial.

Posted in Sem-categoria, Software Livre, Web 2.0 | Com as etiquetas : | Leave a Comment »

Experimentando o Google Wave

Posted by João Manuel Peres Lijó em Quinta-feira, 26 Novembro, 2009


Google WaveAcaba de me chegar o convite para participar nesta nova plataforma da Google chamada a ser revolucionária, como todo o que faz esta empresa.

Trata-se de uma versão beta com muitas possibilidades mas ainda não funcionais. A inclusão de documentos e de imagens ainda não está disponível, já experimentei a inclusão de alguma extensão e a conversa ao vivo.

A utilização de HTML5 (ainda experimental) faz que por fim possamos desfrutar de todas as funcionalidades multimídia sem a necessidade de plugins ou de descarregar ao computador os objectos.

Continua a mudança à nuvem. O navegador será o computador…

Para fazer partícipes desta nova ferramenta a mais pessoas quero aproveitar para convidar aqueles leitores que o desejarem. Conto com 10 convites que se podem solicitar ao meu mail: joamma (at) baixamar (dot) net.

Se já és usuário da ferramenta podes engadir o meu contato: joamma2000 (at) googlewave (dot) com

Convites

Convite Google Wave

Gadget Mapa

Gadget Mapa

Conversa

Conversa


Posted in Software, Web 2.0 | Com as etiquetas : , , | Leave a Comment »

Europeana: Biblioteca Digital Europeia

Posted by João Manuel Peres Lijó em Terça-feira, 12 Agosto, 2008


A Biblioteca Digital Europeia: Europeana estará disponível no mês de novembro. Por enquanto pode-se visitar a versão demo para observar as suas características.

A Comissão Europeia promove e coordena o trabalho de construir uma Biblioteca, Arquivo e Museu Digital Europeu comum que facilite o acesso ao património cultural europeu na língua própria dos seus cidadãos.

Este vai ser o primeiro prototipo do que se quer construir. Em novembro de 2008, quando saia à luz, vai contar com 2 milhões de objectos digitalizados: mapas, livros, documentos de arquivos, filmes, fotografias… Para 2010 espera o seu crescimento até os 6 milhões de documentos digitalizados com o aportado pelas instituições que formam parte do projecto.

Na Península ibérica entre as instituições participantes só se encontram as seguintes bibliotecas:

Ainda encontrando entre os seus representantes nacionais a Biblioteca Nacional de España e a Biblioteca Nacional de Portugal,  é de destacar que na península não participa, até agora, nenhuma outra instituição cultural.

Posted in Bibliotecas, Web 2.0 | 2 Comments »

Horizonte dos Sistemas de Gestão Bibliotecária ou LMS

Posted by João Manuel Peres Lijó em Quarta-feira, 30 Julho, 2008


Duas instituições do Reino Unido, a JISC (Joint Information Systems Committee) e a SCONUL (Society of College, National and University Libraries) promovem o relatório: An Evaluation and horizon scan of the current library management systems and related systems landscape for UK higher education. (Avaliação e horizonte dos actuais sistemas de gestão bibliotecária nas instituições de Educação Superior do Reino Unido).

O relatório, realizado em 2007, e publicado em abril de 2008, foi encarregado a três consultoras que realizaram um estudo de campo com inquéritos a bibliotecários e estudo dos sistemas de gestão utilizados nas bibliotecas das instituições de estudo superior.

O estudo analisa a “comodidade” com o uso dos LMS (ou ILS) instalados em cada instituição assim como a visão sobre o seu uso a curto praço e a demanda que os bibliotecários realizam sobre esses sistemas.

No resultado destaca que só 4 empresas cobrem perto do 90% do mercado de ILS nessas bibliotecas. Trata-se de: Ex Libris, Innovative (conhecido na Galiza pelo Millennium), SirsiDynix e Talis.

No estudo reflicte-se que no futuro não se prevê mudar de software já que todos eles mostram características similares. Da mesma maneira não se prevê a migração a sistemas baseados em software livre mentres as características sejam similares aos de sofware proprietário.

Posted in Bibliografia SL, Bibliotecas, Software, Web 2.0 | Com as etiquetas : | Leave a Comment »

Meios sociais explicados de maneira singela

Posted by João Manuel Peres Lijó em Sexta-feira, 30 Maio, 2008


Voltam os da Common Craft com uma nova explicação: Meios sociais em inglês simples.

Posted in Web 2.0 | Com as etiquetas : | Leave a Comment »

Criação de sites

Posted by João Manuel Peres Lijó em Quinta-feira, 10 Abril, 2008


Nestes últimos post venho comentando aqueles aplicativos que tenho descoberto ultimamente e que chamaram a minha atenção por algum motivo. Hoje vamos dedicar o artigo ao serviço corporativo para criação de sites, o Google sites. Por enquanto é só uma ferramenta incluída na Google apps e, pelo tanto, disponível para pessoas ou entidades que disponham de um domínio na internet.

A verdade é que esperava mais da Google. Sei que as comparações são odiosas, mas vendo outras ferramentas acho que a Google está muito longe de dar um bom serviço com esta aplicação. É uma ferramenta pouco “usável”. Não inclui cousas muito úteis como a possibilidade de criar aplicativos ou acrescentar código em javascript. Mesmo não utiliza a potência de ferramentas de publicação como o Blogger (também da sua propriedade) que ademais não está incluído (incomprensivelmente) neste serviço. E ainda que inclui um pequeno sistema de publicação denominado Announcements não permite converter a informação publicada a feed para o compartir e/ou usar com os leitores de rss.

De novo parece uma ferramenta para usar no entorno corporativo e não para difundir através da net já que daria uma imagem muito pobre. (Pode-se olhar o intento feito por mim aqui).

Google apps concorre com o serviço de criação de WebSites da Microsoft: Office live small Business que comparte vários aplicativos para o usuário desde um entorno virtual. Mas esta ferramenta não foi experimentada por mim e não posso opinar sobre ela.


E já que queria falar de comparações odiosas uma boa ferramenta para criar sites é o iWeb da Apple. Ferramenta por enquanto só disponível para usuários de macs. Esta si que é uma ferramenta potente para criar sites bonitos esteticamente e fácil de usar e com muita potência para publicar. Tem o falho também de não permitir incluir código javascript mas na nova versão do iweb 08 permite acrescentar novos serviços como vídeos…

Tenho a possibilidade de usar esta ferramenta e mesmo tenho criado um site, no meu computador vejo-o perfeitamente, mas ao subir a informação ao servidor desconfigura-se o texto totalmente aparecendo símbolos estranhos naqueles lugares onde deveria haver til, acentos, sinais gráficos… Ainda tenho que descobrir porquê acontece isto mas não descarto a possibilidade de utilizá-lo no futuro.

A Apple, agora que está incrementando o seu mercado de computadores pessoais, acho que vai continuar não oferecendo alguns dos seus produtos para os usuários da Microsoft reservando assim algumas das suas inovações só para usuários próprios. E entretanto à Google… ainda tem muito que aprender.

Posted in Software, Web 2.0 | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

 
%d bloggers like this: